TEATRO
Acompanhe o melhor do teatro adulto e infantil! As principais estreias nos palcos estão aqui.
Não deixe de ler as matérias e críticas.

Teatro Infantil - Matérias

A vida de Carmen Miranda é mostrada no musical Carmen, a Grande Pequena Notável
Publicado em 07/09/2018, 22:00
2
Facebook Share Button
O espetáculo estreia no Centro Cultural Banco do Brasil São Paulo.

Carmen, a Grande Pequena Notável utiliza a linguagem do Teatro de Revista (gênero popular cada vez menos valorizado nos palcos) para contar a trajetória de uma artista que nasceu em Portugal, foi radicada brasileira e fez sucesso no exterior.

Com direção de Kleber Montanheiro, a peça é uma adaptação do premiado livro homônimo infantojuvenil de Heloísa Seixas e Julia Romeu. Elenco é formado por Amanda Acosta, que vive a diva cantora, Daniela Cury, Luciana Ramanzini, Maria Bia, Samuel de Assis e Fabiano Augusto.

O musical estreia no momento em que uma data merece destaque: Há exatos 90 anos Carmen Miranda (1909-1955) cantava pela primeira vez na rádio carioca Roquete Pinto.

Com o objetivo de preservar a memória da artista e evidenciar a época em que ela fez sucesso tanto no Brasil como nos Estados Unidos, entre os anos de 1930 e 1950, os figurinos e o cenário trazem detalhes e ambientes que remetem o espectador ao cotidiano da cantora.
O figurino da protagonista é inspirado nos desenhos originais das roupas usadas por Carmen e as vestes dos demais personagens são baseadas na moda dessas décadas.

Os atores trazem na prosódia a influenciada do modo de falar ‘aportuguesado’ e o maneirismo de cantar proveniente do rádio. Um modo de falar que fica claro sobretudo na interpretação de Amanda, que traz os trejeitos de Carmen sem imitações, mas trazendo a sua visão da personagem a partir das pesquisas realizadas e de seu talento como interprete, das grandes atrizes e cantoras do nosso teatro.

A cenografia reproduz os principais ambientes propostos pelo livro, como o porto do Rio de Janeiro; sua casa e as ruas da Cidade Maravilhosa; a loja de chapéus, onde Carmen trabalhou; o estúdio de rádio; os estúdios de Hollywood e as telas de cinema.
No início o visual é preto e branco e aos poucos tudo vai ganhando cor, numa criação em que o objetivo principal foi descobrir formas de conversar com o público de todas as idades.

Amanda diz que está mergulhando na alma de uma artista brejeira tentando evitar a caricatura, buscando o seu olhar perante a vida e a arte..

Para a criação da personagem, a atriz e cantora teve a oportunidade de ir ao Rio de Janeiro e entrar em contato com objetos da artista.
¨Estou tentando descobrir o estado de espírito da Carmen dentro de mim e descobrir a centelha de fogo que todos nós temos¨, declara Amanda.

O diretor Kleber Montanheiro salienta que para ele não existe divisão entre teatro feito para criança e para adulto. Alguns códigos trabalhados são diferentes, mas a sua ideia é direcionar o seu trabalho para toda a família.

Sobre como surgiu a ideia de mostrar a trajetória de Carmem às crianças, Montanheiro conta que foi depois que percebeu que a trajetória da artista está se perdendo.

O diretor estava ministrando aula pra adolescentes e passou pelo teatro de revista. Num certo momento da conversa, citou a Carmen para os alunos (que não fez esse gênero teatral, mas ajudou vários compositores que escreviam para teatro de revista a terem visibilidade na música) e percebeu que eles a desconheciam.

Após a aula, encontrou numa livraria a biografia de Heloísa Seixas e Julia Romeu voltada ao público infantil e logo entrou em contato com as autoras para levar a história para o palco.

FICHA TÉCNICA
Autoras do livro e adaptação teatral: Julia Romeu e Heloísa Seixas
Direção, cenários e figurinos: Kleber Montanheiro
Desenho de luz: Marisa Bentivegna
Direção Musical: Ricardo Severo
Visagismo: Anderson Bueno
Elenco: Amanda Acosta (Carmen Miranda), Daniela Cury, Luciana Ramanzini, Maria Bia, Samuel de Assis e Fabiano Augusto
Músicos: Maurício Maas, Betinho Sodré, Monique Salustiano e Marco França.
Direção de produção: Maurício Inafre
Assessoria de imprensa: Pombo Correio

SERVIÇO
Centro Cultural Banco do Brasil SP* - Rua Álvares Penteado, 112, Centro
Temporada: 15 de setembro a 26 de janeiro de 2019, aos sábados, às 11h
Apresentações extras nos dias 12/10, 2/11, 15/11 e 25/1

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)
Classificação: livre. Recomendado para crianças a partir de 5 anos
Duração: 70 minutos
Capacidade: 133 lugares
Informações: (11) 3113-3651
*Acesso ao calçadão pelas estações Sé e São Bento do Metrô.
Estacionamento conveniado: Estapar Estacionamentos - Rua Santo Amaro, 272 - Centro, com custo de R$15 pelo período de 5 horas. É necessário validar o ticket na bilheteria do CCBB.
Traslado gratuito: uma van faz o transporte gratuito entre o estacionamento e o CCBB, com parada na estação República do Metrô no trajeto de volta.
Informações: (11)3113-3651 | (11) 3113-3652 ou
ccbbsp@bb.com.br | www.bb.com.br/cultura | www.twitter.com/ccbb_sp |
www.facebook.com/ccbbsp | www.instagram.com/bancodobrasil
Acesso e facilidades para pessoas com deficiência física. Ar-condicionado.



DE OLHO NA CENA ® 2015 - Todos os Direitos Reservados
. . . . . . . . . . . .

DE OLHO NA CENA BY NANDA ROVERE - TUDO SOBRE TEATRO, CINEMA, SHOWS E EVENTOS Sou historiadora e jornalista, apaixonada por nossa cultura, especialmente pelo teatro.Na minha opinião, a arte pode melhorar, e muito, o mundo em que vivemos e muitos artistas trabalham com esse objetivo. de olho na cena, nanda rovere, chananda rovere, estreias de teatro são Paulo, estreias de teatro sp, criticas sobre teatro, criticas sobre teatro adulto, criticas sobre teatro infantil, estreias de teatro infantil sp, teatro em sp, teatros em sp, cultura sp, o que fazer em são Paulo, conhecendo o teatro, matérias sobre teatro, teatro adulto, teatro infantil, shows em sp, eventos em sp, teatros em cartaz em sp, teatros em cartaz na capital, teatros em cartaz, teatros em são Paulo, teatro zona sul sp, teatro zona leste sp, teatro zona oeste sp, nanda roveri,

CRISOFT - Criação de Sites ® 2005
HOME PAGE | QUEM SOU | TEATRO ADULTO | TEATRO INFANTIL | MULTICULTURAL | CONTATO
CRÍTICAS OPINIÕES CINEMA
MATÉRIAS MATÉRIAS SHOWS
ESTREIAS ESTREIAS EVENTOS