TEATRO
Acompanhe o melhor do teatro adulto e infantil! As principais estreias nos palcos estão aqui.
Não deixe de ler as matérias e críticas.

Entrevistas e dicas de espetáculos

O Ofício do Ator - O ator Claudio Fontana fala sobre a sua experiência profissional
Publicado em 23/06/2022, 19:30
7
Facebook Share Button
O Ofício do Ator
Com Claudio Fontana
Projeto Rumo 2022
Proac 2021
O Ofício do Ator
Com Claudio Fontana
Projeto Rumo 2022
Proac 2021

¨O QUE MAIS ME ENCANTA NO TEATRO É A POSSIBILIDADE DE VIVER EMOÇÕES QUE NÃO SÃO AS MINHAS¨
¨O ator dá vida a um ser imaginário em situações imaginárias¨
¨O ator conta uma estória e o espectador tem o poder de imaginar¨
Ser ator é uma profissão fascinante pelo poder de sensibilizar as pessoas. O ator tem o poder de fazer a plateia rir ou chorar¨
¨Estar em cena no palco é uma experiência única. A cada dia o teatro nos oferece uma experiência única porque a cada dia estamos diferentes e a plateia é diferente¨
¨Através das artes a sociedade se desenvolve. A cultura gera pensamento¨
¨Ser artista é estar em conexão com tudo que acontece no Brasil e no mundo¨
¨Ser ator é ter o poder de transformar alguém da plateia¨
¨O teatro – fazer teatro - é o aprimoramento do poder de transformação da realidade¨
¨A arte é importante para derrubar preconceitos¨

CLAUDIO FONTANA

Mediação Profa. Elisa Cristina mendes seixas
Alunos do Instituto Profissionalizante Paulista – IPP – Jovens aprendizes

CLAUDIO FONTANA E O SEU AMOR PELO OFÍCIO DO ATOR
Claudio Fontana, ator e produtor, é daqueles artistas que falam do seu ofício com amor, experiência e se emocionam ao rever a sua trajetória.
No encontro on-line, que ocorreu no dia 21 de junho de 2021, via plataforma Zoom, aberto para todos os interessados em ouvir detalhes sobre como é o ofício de um ator, Fontana contou um pouco da sua história profissional, falou sobre o mercado de trabalho para os artistas e deu dicas importantes para quem deseja seguir a carreira na área de artes cênicas.
Fontana nunca tinha pensado em ser ator, brincava de teatro quando era criança, assistia novelas e frequentava salas de espetáculos, mas ser ator era algo impensável.
Felizmente o teatro acabou cruzando o seu caminho. Era atleta no Clube Pinheiros/SP e começou a fazer teatro mais para desinibição do que qualquer outro motivo.
Era gerente de marketing de uma empresa e entre 1984 e 1990 o teatro era algo que o encantava, mas não tinha pensado até então em viver da arte de interpretar.
Em 1990 recebeu o convite de Gabriel Villela, diretor com quem já tinha trabalhado no Clube Pinheiros, para integrar o elenco de Vem buscar-me que ainda sou teu, de Carlos Alberto Soffedini. Foi o seu primeiro trabalho profissional como ator, não tinha falas, tocava acordeon e encantou tanto o público que ganhou prêmio revelação como melhor ator. A partir desse momento ¨ser ator¨ começou a ser uma realidade com um futuro promissor.
Devido ao seu trabalho em ¨Vem buscar-me (excelente/inesquecível espetáculo) foi convidado por Silvio de Abreu e Jorge Fernando para participar da novela Deus nos Acuda, da Rede Globo, em 1992.
A paixão pela atuação ¨falou mais alto¨ e Fontana deixou um emprego seguro (aparentemente seguro porque segurança é algo relativo num país como o Brasil) para abraçar integralmente a carreira de ator.
¨O teatro amador foi a minha escola, onde aprendi e experimentei ser ator¨, disse.
O ator fez questão de frisar para os jovens que a carreira na área artística tem uma característica ímpar: não existe estabilidade e muito menos um plano profissional como em outras atividades. Isso, no entanto, não diminui o seu ofício, muito pelo contrário. Só é preciso se adaptar e sempre guardar dinheiro, por exemplo, quando um trabalho é muito bem remunerado. É essencial ter em mente que ocorrem altos e baixos¨, existem momentos com diversos trabalhos, em outros períodos a escassez de oportunidades pode ocasionar preocupação com relação ao sustento. O encantamento da profissão é tão grande que vale a pena se dedicar à arte. ¨Devemos fazer o que nos deixa feliz¨.
Claudio fez Deus nos Acuda, 1992, Fera Ferida, 1993 (novelas da Globo), a peça A Guerra Santa, direção Gabriel Villela, 1993 – viajou para Londres e uma curiosidade: o ator fala inglês tão correntemente que uma senhora não entendeu como um espetáculo de brasileiros tinha somente um ator britânico! (o Claudio, claro). Obs: Também usou o seu domínio do inglês para a tradução da peça O Sonho, de Strindberg, que Gabriel Villela levou para o palco em 1996.
Até 1995, quando fez As Pupilas do Senhor Reitor, no SBT, tudo ia tranquilo, mas após o final das gravações não havia convites de trabalhos... Com a sua colega de novela Luciana Braga fundou a BF produções e, desde então, Fontana produz teatro (hoje sem a atriz como sócia).
Em 26 anos de atividades, a BF assinou a produção de muitas peças com a direção de Gabriel Villela (em muitas montagens atuou e produziu e em outras foi o responsável pela direção de produção ¨somente¨).
A sua última produção foi Henrique IV com direção de Villela, que esteve em cartaz no Sesc Vila Mariana. Como domina também o italiano, assinou a tradução da obra de Luigi Pirandello.
Um ponto muito importante destacado pelo ator durante a conversa: Ator não é só quem é famoso, quem está em evidência na TV. Existem atores em todas as áreas da atuação: TV, cinema, teatro, dublagem, etc).
Outro ponto essencial: para ser ator é preciso ter habilidade e conhecimento, e o conhecimento é adquirido a partir de muito ESTUDO.
Uma dica para quem se interessa pela área artística e não sabe se essa é a sua vocação e paixão: fazer cursos rápidos e se sentir que esse é o seu caminho, aí sim fazer cursos profissionalizantes, seja uma faculdade de artes cênicas ou frequentar escolas particulares que oferecem o DRT após a finalização do estudo.
Conselhos para ser um ator de sucesso:
1- É preciso ter conhecimento – falar e entender o português, para entender o texto e o personagem, ler de tudo e estar sintonizado com o que acontece ao seu redor e no mundo;
2- Domínio das técnicas
3- Talento
4- Vocação
5- Sorte
Contou um fato, para terminar o bate-papo, que sempre faz questão de relembrar, pois o emociona bastante, e sinaliza o papel transformador do teatro:
Durante as viagens com o espetáculo Feliz Ano Velho, no qual Fontana vivia um tetraplégico (personagem baseado na vida do autor da obra Marcelo Rubens Paiva), ele e a atriz Denise Del Vecchio se encontraram com alguns cadeirantes e os convidaram para assistirem ao espetáculo.
Depois da apresentação, um dos convidados procurou o ator para agradecer-lhe. Disse que nunca tinha aceitado, até aquele dia, a sua deficiência. Tudo mudou após a oportunidade de prestigiar a peça: entendeu que era possível ser feliz mesmo com as barreiras que a vida lhe impôs.

Claudio Fontana – ator, produtor, tradutor, economista, administrador ( USP)

Elisa Cristina Mendes Seixas - Psicopedagoga (Pós-graduação) - Faculdade Pinheirense – São Paulo/SP
Orientadora no Instituto Profissionalizante Paulista

http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=525
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=594#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=578#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=554#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=525#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=520#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=516#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=503#linha
http://deolhonacena.com.br/index.php?pg=3a2b&sub=488#linha


Claudio está em cartaz com A Última Sessão de Freud - Teatro Porto Seguro/SP
https://teatroportoseguro.com.br/programacao/pecas/ultima-sessao-freud.html
Integra o elenco do filme Broto legal, em cartaz nos cinemas do Brasil



Clique nas imagens para ampliar:



DE OLHO NA CENA ® 2015 - Todos os Direitos Reservados
. . . . . . . . . . . .

DE OLHO NA CENA BY NANDA ROVERE - TUDO SOBRE TEATRO, CINEMA, SHOWS E EVENTOS Sou historiadora e jornalista, apaixonada por nossa cultura, especialmente pelo teatro.Na minha opinião, a arte pode melhorar, e muito, o mundo em que vivemos e muitos artistas trabalham com esse objetivo. de olho na cena, nanda rovere, chananda rovere, estreias de teatro são Paulo, estreias de teatro sp, criticas sobre teatro, criticas sobre teatro adulto, criticas sobre teatro infantil, estreias de teatro infantil sp, teatro em sp, teatros em sp, cultura sp, o que fazer em são Paulo, conhecendo o teatro, matérias sobre teatro, teatro adulto, teatro infantil, shows em sp, eventos em sp, teatros em cartaz em sp, teatros em cartaz na capital, teatros em cartaz, teatros em são Paulo, teatro zona sul sp, teatro zona leste sp, teatro zona oeste sp, nanda roveri,

CRISOFT - Criação de Sites ® 2005
HOME PAGE | QUEM SOU | TEATRO ADULTO | TEATRO INFANTIL | MULTICULTURAL | CONTATO
CRÍTICAS OPINIÕES CINEMA
MATÉRIAS MATÉRIAS SHOWS
ESTREIAS ESTREIAS EVENTOS