TEATRO
Acompanhe o melhor do teatro adulto e infantil! As principais estreias nos palcos estão aqui.
Não deixe de ler as matérias e críticas.

Críticas - Teatro Adulto

TRÊS CIGARROS E A ÚLTIMA LASANHA
Publicado em 28/08/2020, 22:00
4
Facebook Share Button
TRÊS CIGARROS E A ÚLTIMA LASANHA

Renato Borghi, um grande ator guiado pela diretora Debora Dubois.
83 anos de vida, mas de 60 anos dedicados ao teatro.
Como sempre faço questão de dizer, o primeiro grande ator que vi em cena, um artista que acompanho a trajetória com muita atenção.
Vê-lo no palco é uma aula.
Tanta experiência, e não é que sempre bate a ansiedade? Tem sempre a preocupação de oferecer o melhor para o público.

Tempos sombrios, experimentos cênicos que jamais serão teatro, teatro só acontece com a magia da plateia, mas que possuem valor porque hoje é a única maneira do artista se expressar, a única maneira de estarmos conectados com a arte.
Borghi conta com a projeção de um vídeo para ajudá-lo no mergulho da alma de um homem que perdeu a sua mão e agora usa o membro de outra pessoa.
Uma história aparentemente bizarra, mas que os autores Fernando Bonassi e Victor Navas (que é médico) escreveram a partir de uma notícia de jornal.
Fora o perigo de uma rejeição e infecção, como se adaptar com a presença de algo estranho no seu corpo, que faz parte da trajetória de outra pessoa?
A peça, apresentada dentro da Mostra de Dramaturgia Contemporânea, da Cia Promíscuo, fez temporada no Teatro Popular do Sesi/SP e passou por outras localidades, com premiação no exterior.
Na apresentação on line, Borghi conseguiu cativar. O teatro estava vazio, mas com a energia de um grande ator que domina a palavra. Transmitiu com segurança e competência a inquietude de alguém que está perturbado, prestes a cometer um ato de loucura porque não consegue aceitar a sua nova condição após o "transplante" do órgão. O medo de uma rejeição o apavora demais.
E é o medo, segundo Borghi, que faz com que o texto seja tão atual. O personagem tem medo de não se adaptar à nova realidade, nós estamos com medo do coronavírus, do futuro incerto que essa doença promove!
As sessões terão sempre um convidado especial para bater um papo com o público.

FICHA TÉCNICA (versão “live”)
Texto: Fernando Bonassi e Victor Navas
Direção, Luz e Direção de Arte: Débora Dubois
Ator: Renato Borghi
Trilha Sonora: Cacá Machado
Técnico de palco, som, luz e projeção: Lelê Siqueira

Para saber mais:
http://www.teatromorumbishopping.com.br/
Clique nas imagens para ampliar:

DE OLHO NA CENA ® 2015 - Todos os Direitos Reservados
. . . . . . . . . . . .

DE OLHO NA CENA BY NANDA ROVERE - TUDO SOBRE TEATRO, CINEMA, SHOWS E EVENTOS Sou historiadora e jornalista, apaixonada por nossa cultura, especialmente pelo teatro.Na minha opinião, a arte pode melhorar, e muito, o mundo em que vivemos e muitos artistas trabalham com esse objetivo. de olho na cena, nanda rovere, chananda rovere, estreias de teatro são Paulo, estreias de teatro sp, criticas sobre teatro, criticas sobre teatro adulto, criticas sobre teatro infantil, estreias de teatro infantil sp, teatro em sp, teatros em sp, cultura sp, o que fazer em são Paulo, conhecendo o teatro, matérias sobre teatro, teatro adulto, teatro infantil, shows em sp, eventos em sp, teatros em cartaz em sp, teatros em cartaz na capital, teatros em cartaz, teatros em são Paulo, teatro zona sul sp, teatro zona leste sp, teatro zona oeste sp, nanda roveri,

CRISOFT - Criação de Sites ® 2005
HOME PAGE | QUEM SOU | TEATRO ADULTO | TEATRO INFANTIL | MULTICULTURAL | CONTATO
CRÍTICAS OPINIÕES CINEMA
MATÉRIAS MATÉRIAS SHOWS
ESTREIAS ESTREIAS EVENTOS